Notícias Fecomercio

1 de dezembro de 2017

Roubo de cargas no Brasil gera prejuízo de R$ 6 bilhões em cinco anos


Segundo estudo da Firjan, País é oitavo mais perigoso no transporte de cargas entre 57 países

Em média, um caminhão foi roubado no Brasil a cada 23 minutos entre 2011 e 2016. De acordo com a estimativa da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan), com base em dados registrados na Superintendência de Seguros Privados (Susep), o prejuízo estimado nesse período é de R$ 6,1 bilhões, com 97.786 ocorrências.

Os números demonstram que o roubo de cargas nas rodovias e no perímetro urbano das cidades brasileiras é um problema crescente nos últimos anos. Além dos prejuízos para os proprietários dos produtos, o aumento desse tipo de furto gera problemas em toda a cadeia produtiva. Como resultado, produtores, transportadoras, seguradoras e até os consumidores e o Estado sofrem com os prejuízos e a necessidade de investimento em segurança.

Apenas no ano passado, houve 22.547 ocorrências no País, sendo 87,8% delas nos estados de São Paulo ou Rio de Janeiro. As ocorrências em São Paulo aumentaram pelo 13º mês consecutivo.

De acordo com estudo da Firjan, o Brasil é o oitavo país mais perigoso no transporte de cargas entre 57 pesquisados, atrás apenas de nações que vivem em situação de guerrilha civil, como Afeganistão, Síria, Iêmen, Líbia e Sudão do Sul. Confira a matéria completa aqui.

 

Voltar para Notícias