Notícias Fecomercio

30 de julho de 2018

Brasil perde protagonismo no cenário mundial, diz Vera Thorstensen


Professora de economia da FGV defende, em entrevista ao UM BRASIL, mais abertura brasileira

“O Brasil perdeu qualquer proeminência no cenário internacional e por culpa própria.” Essa é a visão da professora da Escola de Economia de São Paulo (FGV) Vera Thorstensen. “Não é só tarifa que a gente quer num acordo, não é só acesso a mercado, é tecnologia. O modelo brasileiro fechado, de se proteger, está esgotado. É disso que o Brasil precisa se convencer. Não é fechando o País que a gente vai dar esse ‘pulo’ que precisa. O Brasil não consegue mais exportar, não tem mais competitividade”, enfatiza.

Em entrevista ao UM BRASIL, a também coordenadora do Centro do Comércio Global e Investimento (CCGI) e titular da Cátedra OMC no Brasil afirma que, atualmente, os mercados brigam por tecnologia.

Na conversa com Jaime Spitzcovsky, ela destaca que a guerra que o governo norte-americano e a China travam é justamente por isso, e que essa disputa prejudica o Brasil. “Estamos vivendo uma guerra de dominação por tecnologia da informática e robótica. O governo dos Estados Unidos está destruindo todo o sistema multilateral que foi criado depois da Segunda Guerra”, destaca. Assista à entrevista completa aqui.

 

Voltar para Notícias