Notícias Fecomercio

20 de dezembro de 2017

Atacado paulista cria mais de 2 mil empregos formais em outubro, aponta FecomercioSP


Segundo pesquisa da Entidade, resultado foi o melhor para o mês desde 2012

Em outubro, o comércio atacadista no Estado de São Paulo abriu postos de trabalho pelo sétimo mês consecutivo. Foram 2.111 novos empregos com carteira assinada, saldo de 15.208 admissões e 13.097 desligamentos, o melhor resultado para o mês desde 2012. Assim, o setor encerrou o mês com estoque total de 499.022 trabalhadores formais, crescimento de 1,2% em relação a outubro de 2016.

No acumulado de novembro de 2016 a outubro de 2017, 5.781 vagas foram abertas, um cenário mais favorável que na comparação com os 12 meses anteriores (novembro de 2015 a outubro de 2016), quando foram extintos mais de 11,6 mil postos de trabalho com carteira assinada.

Os dados são da Pesquisa de Emprego no Comércio Atacadista do Estado de São Paulo (PESP Atacado), realizada mensalmente pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) com base nos dados do Ministério do Trabalho, por meio do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) e das informações sobre movimentações declaradas pelas empresas do atacado paulista.

Das dez atividades pesquisas em outubro, seis apresentaram alta no estoque de empregos na comparação com o mesmo mês de 2016. O maior crescimento foi registrado pelo atacado de produtos farmacêuticos e higiene pessoal (3,4%) e de alimentos e bebidas (2,2%). As duas atividades geraram, juntas, 5.108 novos empregos com carteira assinada.  Confira a matéria completa aqui.

Voltar para Notícias